Quarta-feira, 26 de Setembro de 2018
Brasil e o Mundo

Jovem de 16 anos se despede de amigos no Whatsapp antes de tirar a própria vida

Publicada em 10/03/18 às 11:39h - 118 visualizações

por JORGEQUIXABEIRA


Compartilhe
   

Link da Notícia:

 (Foto: JORGEQUIXABEIRA)
Uma jovem estudante do 2º ano do ensino médio da Escola Estadual Coriolano de Medeiros tirou a própria vida através de enforcamento na noite desta terça-feira, dia 06, no Jardim Guanabara, em Patos na Paraíba. A estudante foi identificada como sendo Kely Yorrana A. de Souza, de 16 anos.

Ela tirou a própria vida em sua casa após sair da casa da avó que fica próximo. A jovem teria dito a avó que iria em casa tomar um banho e voltaria, mas pouco minutos depois chegou o relato trágico. 

Em contato com uma professora da garota, a reportagem foi informada que a estudante era uma jovem que não aparentava ter problemas que levasse a tal atitude lastimável. No entanto, Kely Yorrana chegou a conversar com amigos em um grupo de WhatsApp.

"Amanhã vocês veem a notícia". Um amigo da garota ainda tentou a convencer sobre o valor da vida, porém a estudante revidou com a seguinte frase: "Porque minha vida é um lixo" e finalizou confirmando que a tragédia "vai acontecer agora de noite", dizia Kely nas mensagens.

Equipes do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) ainda foram acionadas, porém já encontraram a jovem sem vida. O caso da estudante Kely Yorrana é uma alerta às famílias, pois na primeira semana de março outra adolescente tentou tirar a própria vida usando a mesma forma, ou seja, através de corda no pescoço.

Fim de relacionamento seria o motivo

O delegado da Polícia Civil de Patos, Demétrius Patrício, concedeu entrevista à imprensa local que buscou saber mais detalhes sobre o suicídio da jovem Kely Yorrana de 16 anos, neta de Fátima de Zé de Bal, filha do casal Fátima e Zé de Heleno Alves de Santa Terezinha, que tirou a própria vida por enforcamento ocorrido na noite dessa terça-feira (06). 

Kely era estudante do 2º ano do ensino médio da Escola Estadual Coriolano de Medeiros e residia no bairro Santo Antônio, em Patos. O delegado informou que após chegar ao local e ter uma conversa com os familiares da vítima, foi revelado que a jovem já tinha feito duas tentativas anteriores de suicídio, sendo uma no domingo passado e outra na segunda.

A polícia encontrou o corpo da garota suspenso por uma corda, no banheiro da residência. O delegado também contou que o irmão de Kely ainda presenciou a adolescente se debatendo antes de morrer. O rapaz teria tentado reanimá-la, porém, não obteve sucesso. O SAMU foi acionado mas não conseguiu chegar a tempo de prestar os primeiros socorros. 

A perícia compareceu ao local do fatídico e fez o levantamento dos indícios. Os familiares de Kely confirmaram que a mesma estava sofrendo com um quadro de depressão em virtude do fim do relacionamento com um namorado. Devido às tentativas anteriores, a família da vítima já tinha procurado um psicólogo para que a mesma fosse submetida a uma avaliação. Com informações do Patos Online.



Deixe seu comentário!

ATENÇÃO:Os comentários postados abaixo representam a opinião do leitor e não necessariamente do nosso site. Toda responsabilidade das mensagens é do autor da postagem.







Nosso Whatsapp

 (74)98064146

Visitas: 78539
Usuários Online: 122
Copyright (c) 2018 - JORGEQUIXABEIRA